Cena #1: Giulia Pecorari (Italia)

Ni Una Mas
A performance explora a fragilidade física e mental que se relaciona à violência contra a mulher. Para expressar essa ideia, a artista concebe um traje a partir da intenção de que atue como “armadura psicológica”.
No diálogo e na interação travada em cena, performer e indumentária tornam-se a extensão um do outro. A veste é a proteção imaginária contra o mundo externo, mas pode quebrar a qualquer momento, bastando que algo a atinja. O projeto combina novos materiais e tecnologias com um desenho aparentemente tradicional, tornando-se o elemento cênico fundamental para a expressão narrativa da peça.
No decorrer da ação, os movimentos, as emoções e a respiração da performer agem sobre a indumentária, que começa a se fragmentar. As mudanças no estado interno da artista são reveladas, até que seu lado mais frágil e íntimo fique exposto.
Ni Una Mas foi criada para a companhia de teatro contemporâneo Inoutput, durante residência artística no interior da Itália, em 2012. O traje é confeccionado com um composto especial de resinas, tinta branca e mais de 400 ímãs.

GP_Ni Una Mas 2 bis

Giulia Pecorari é figurinista e pesquisadora. Investiga e aplica materiais e técnicas incomuns para criar formas e conceitos originais para o traje para performance, e no desenvolvimento de projetos que ganham aura de obra de arte e frequentemente funcionam como elementos performáticos. Seus projetos têm como base uma extensa pesquisa sobre a relação entre o traje e a condição humana. Ex-gerente de integração de Moda e Tecnologia do Estúdio XO, em Londres, explorou a tecnologia digital como ferramenta de criação de indumentária em projetos para Lady Gaga e Wayne McGregor/Random Dance, entre outros. Atualmente leciona no curso de Moda do London Fashion College e no curso de construção de figurino da Royal Central School of Speech and Drama, ambos em Londres. Apresentou trabalhos em eventos e exposições como a Quadrienal de Praga, O Traje na Virada do Século, no Bakhrushin State Theatre Central Museum (Moscou), a Bienal de Veneza de Dança e a Amsterdam Fashion Week.

Advertisements